Novos Abrigos de Passageiros

June 15, 2018

 

 

Dados do projeto:

 

Concurso Nacional para Novos Abrigos de Passageiros

local: Tubarão, Santa Catarina

ano: 2018

classificação: 1º lugar

 

 

O novo mobiliário proposto para a cidade de Tubarão tem como conceito principal a conexão. Não apenas aquela física, óbvia, quando se trabalha com o sistema de transporte público, mas também uma conexão entre cidade e cidadãos, através do livre acesso à informação.


Além disso, cada mobiliário deve ser interpretado como uma forma de requalificação de todo seu entorno. Eles devem dar suporte não só aos usuários do transporte público, mas aos cidadãos de Tubarão em geral, através da oferta de abrigo, serviços, espaços de estar, informações, etc.

 


CONECTIVIDADE - INTEGRAÇÃO - INFRAESTRUTURA - TRANSPORTE

 


Com uso da tecnologia, o transporte público pode ser mais ágil e oferecer uma experiência positiva para seus usuários através da criação de um sistema integrado de mobilidade. Com toda frota contando com sistema de localização, é possível dar a informação precisa de tempo de espera nos pontos, além de conectá-los ao sistema de informações de itinerários disponíveis.
Além do sistema de ônibus, as paradas de táxis carregam a informação de carros disponíveis para corrida, dando a possibilidade de solicitar o serviço também pelo próprio sistema.


Também os ciclistas podem consultar, neste mesmo sistema, paraciclos disponíveis para guardar suas bicicletas, e guarda-volumes disponíveis, caso necessitem. Todos os pontos de ônibus e táxis terão acesso ao sistema de venda de passes através do uso de cartão do cidadão. Um sistema único poderá integrar tudo de forma fácil e rápida, e dá possibilidades de adoção de políticas públicas de incentivo, por exemplo, ao uso da bicicleta, dando crédito às pessoas que adotarem esse meio de transporte no dia-a-dia.

INFORMAÇÃO
Para facilitar a manutenção do mobiliário e melhorar os sistemas de informação do transporte público, todo o conjunto de propostas é conectada – entre si e com sistemas on-line de informação, acessíveis para qualquer usuário. Assim, através do acesso à internet, qualquer cidadão pode checar horários de ônibus, pedir um táxi, reportar necessidade de manutenção, comprar passes de ônibus ou para utilizar os banheiros públicos, etc., tudo dentro de um único aplicativo municipal. Todas as paradas e abrigos são pontos de wi-fi livre, dando acesso à informação grátis àqueles que possuem um telefone tipo smartphone – uma parcela cada vez maior da população brasileira. Eles também possuem uma tela que carrega informações necessárias para uso da cidade, através do acesso ao sistema municipal para visualização dos dados. Dessa maneira, os abrigos projetados democratizam o uso da cidade e o acesso à informação. Essas informações também podem formar um grande banco de dados para o poder público, ajudando na melhoria dos serviços prestados e na manutenção dos elementos.


ACESSIBILIDADE
A conexão também é feita através do livre e facilitado acesso à cidade, garantido da forma mais universal possível. Para isso, todos os abrigos contam com área coberta reservada para usuários de cadeiras de roda, próximo ao local de acesso à tela de informações. O sistema conta com acessibilidade para deficientes visuais e auditivos, e possui ligação direta via telefone com uma central de atendimento, podendo inclusive servir para ligações de emergência.


Além do próprio abrigo, o projeto traça como diretriz uma requalificação de seu entorno para garantir a acessibilidade até ele, com a instalação de piso tátil com um baixo impacto visual, e guias rebaixadas a não mais que 25 metros de distância.

PUBLICIDADE
A tela de informações existente nas paradas e abrigos, quando não em uso, servirá como veículo de propagandas, não só com imagens estáticas, mas também com vídeos. Todas essas propagandas serão parte de um sistema on-line, conectado a todos os abrigos, eliminando a necessidade de troca in-loco das propagandas veiculadas, como comumente é feita hoje em dia. Assim, é possível ter diversas publicidades ao mesmo tempo, em toda a cidade, diminuindo custos operacionais e aumentando a arrecadação do município. Enquanto não existe esse sistema on-line, é possível utilizar publicidade analógica, com propagandas impressas inseridas em espaço específica, como exemplificado a seguir (abrigo analógico).


INFRAESTRUTURA
Os abrigos, suportes e anexos projetados possuem sistemas de infraestrutura integrados, de modo a deixa-los o mais independentes possível, possibilitando sua instalação em locais com menos infraestrutura, além de diminuir seus custos operacionais. Todos eles possuem mecanismos de iluminação e ventilação naturais, e captam, através de células fotovoltaicas instaladas no teto, energia solar, armazenada em bateria própria.

 

 

 

O Concurso Público de Arquitetura e Urbanismo: Que Parada é Essa? - Projeto Para Novos Abrigos de Passageiros foi lançado pela Prefeitura do município de Tubarão/SC em novembro de 2017. Todos os 24 trabalhos enviados na primeira etapa estão disponíveis no site da prefeitura.

Please reload

ÚLTIMOS POSTS
Please reload

CATEGORIAS

© 2015 por URBE ateliê de arquitetura